img
logo

19 + 20 NOVEMBRO

AVenida da LIBERDADE LISBOA

1 festival, 2 dias, MAIS DE 10 SALAS E MAIS DE 50 ARTISTAS!

Image
00:45

  -​  

02:00

   +​  

Sala Super Bock
RUI PREGAL DA CUNHA + PAULO PEDRO GONÇALVES LIVE DJ SET
19

Paulo Pedro Gonçalves e Rui Pregal da Cunha são dois nomes com uma importante e longa história na música portuguesa. Paulo Pedro Gonçalves esteve ligado à banda pioneira Corpo Diplomático e, mais tarde, com Rui Pregal da Cunha, é também responsável pelos Heróis do Mar e os LX-90. Ou seja, ambos são precursores de algum do melhor rock feito em Portugal. Agora, estes dois cúmplices propõem revisitar, no Super Bock em Stock, algumas dessas canções que nos marcaram a todos, e ainda apresentar um vigor artístico que também se alimenta do presente, num momento especial para ser vivido no Festival. E é nesta sinergia híbrida que viverá este Live DJ Set. Num primeiro momento, há um convite à dança em modo DJ Set, com canções que vão desde o dancehall ao dub, da Jamaica a África, do rock ao pop, do punk de Londres ao rock português. Num segundo momento, esse convite à dança assume os Heróis do Mar no papel principal e transforma as canções emblemáticas da banda em momentos inesquecíveis para serem vividos em pleno 2021. E tudo isto acontece em formato power duo - para ouvir, ver, sentir e dançar!, no regresso do Super Bock em Stock.

 

Paulo Pedro Gonçalves

Foi um dos fundadores, juntamente com Pedro Ayres Magalhães, dos Faíscas, a primeira banda portuguesa de punk rock formada em 1977, onde desempenhava as funções de vocalista e guitarrista. Em 1979 integra os Corpo Diplomático, banda pioneira do movimento new wave em Portugal. Com a explosão do boom do rock português, ajuda a formar em 1981 os Heróis do Mar, banda de grande sucesso que atinge com a canção “Amor”, o número 1 de vendas do top nacional. Em conjunto com Rui Pregal da Cunha, fundou os LX-90, editando o álbum “Uma Revolução por Minuto”. Posteriormente, emigraram para Inglaterra e alteraram o nome do grupo para Kick Out The Jams. Lançam em 1994 o álbum “Santo António em Abril” cantado em inglês. Ainda lançou dois discos, em 1998 e 2012, com o projeto Ovelha Negra. Mais recentemente, lançou o projeto Scarecrow Paulo, disco chamado “Shank”, e acaba de gravar novo trabalho com o seu projeto CABRA, música alternativa baseada em beats de Angola, Cabo Verde e Moçambique.

 

Rui Pregal da Cunha

Nasceu em Macau, no dia 21 de fevereiro de 1963, contudo veio viver para Lisboa aos quatro anos de idade. Este músico foi vocalista dos Heróis do Mar, grupo de grande sucesso dos anos 80, banda que formou juntamente com Pedro Ayres de Magalhães, Carlos Maria Trindade e Paulo Pedro Gonçalves. Fundou com Paulo Pedro Gonçalves os LX-90, tendo editado o álbum “Uma Revolução por Minuto”. Depois, emigraram ambos para Inglaterra e mudaram o nome para Kikck Out The Jams. Após uma grande ausência, Rui Pregal da Cunha cantou com a banda Golpes, o tema “Vá Lá Senhora”, regressando aos concertos ao vivo como seu convidado especial. Um ano depois, em 2011, recriou a canção “Sol da Caparica” com os Nouvelle Vague e agradou aos mais pequenos no disco infantil “Leopoldina” com o tema “Indo eu a Caminho de Viseu”. Participou no disco especial “Razão de Ser”, em 2013, do grupo Ala dos Namorados, onde interpretou em dueto o tema “Fim do Mundo”. O grande público recorda-o pelas suas interpretações dos grandes êxitos dos Heróis do Mar, como “Saudade”, “Fado”, “Amor e Paixão”, entre outros.

Música

  Autêntica

NAMING SPONSOR

PATROCÍNIOS

MEDIA PARTNERS

PARCEIROS

PROMOTOR